O QUE ESCOLHER PARA LANCHES EQUILIBRADOS

Depois das férias, voltamos ao trabalho e, por isso venho partilhar convosco algumas dicas para que elaborem os vossos lanches equilibrados.

O pão, aquele pecado que mora sempre ali ao lado e é delicioso. Se não o conseguem eliminar da vossa dieta, escolham o pão integral, integral com sementes ou de mistura. Esqueçam as variedades que contenham menos aditivos. O pão é uma fonte de energia que possui hidratos de carbono de absorção lenta, por isso mais sai antes e com menos impacto no metabolismo da insulina. 

Incluam as oleaginosas, como as nozes, amêndoas, amendoins, sementes de abóbora tostadas no forno ou cajus, por exemplo, pois elas são uma excelente fonte de ácidos gordos essenciais e de ácido fólico. Este último é uma excelente fonte energética. A porção diária deve corresponder à palma da mão, e se tem filhos, esta é uma ótima escolha para lanche. A porção das crianças é a sua palma da mão.

Depois temos as hortícolas que, pela sua riqueza em água, fibras, polifenóis, minerais e vitaminas, são uma excelente opção. A cenoura é uma excelente escolha.

Se escolherem fruta, mantenham-na inteira pois assim resiste à temperatura e à oxidação, sendo a maçã, a pera, a banana, a tangerina, a laranja e a nectarina os que melhor resistem ao transporte na lancheira. Não esqueçam que a fruta é uma fonte importante de água, o que favorece a hidratação e de fibras, o que confere saciedade. Se forem amantes de frutos vermelhos, estes também são uma excelente opção, mas mantenham-nos bem acondicionados.

E falando de hidratação, não esqueçam a água que participa no funcionamento de todos os sistemas e órgãos.